Como (אֵיכָה) está deserta a cidade

Home Fóruns Fórum Yeshua Chai Soando o Shofar Como (אֵיכָה) está deserta a cidade

Este tópico contém 0 resposta, possui 1 voz e foi atualizado pela última vez por  sofer 4 anos, 7 meses atrás.

Visualizando 1 post (de 1 do total)
  • Autor
    Posts
  • #26702

    sofer
    Participante

    … Assim diz Adonay: Voltarei para Zion (Sião), e habitarei no meio de Jerusalém; e Jerusalém terá o titulo de A Cidade da Verdade (עיר האמת), e o monte (onde está situada Jerusalém) de Adonay Tzevaot, será chamado de O Monte Santo (הר הקדשׂ). Zacarias 8:3

    Na Mishná os rabinos perguntam: “Quem é sábio?” E respondem: “Aquele que aprende com todos” (Talmud; Pirkei Avot 4:1).

    A Sabedoria (חוכמה), então, requer de nós que abrimos um espaço na nossa mente, conceitos pré-estabelecidos e, claro, também ceder tempo para ouvir o que os outros têm a dizer…

    Por isso Moisés disse: “Se algo é muito difícil para você, trazê-lo para mim e eu vou ouvir” (Deuteronômio 1:17). Os nossos sábios comentaram que Moisés não pré-determinava uma decisão, mas que em silêncio atentamente ouvia – e a solução seria determinada. O mesmo pode ser dito a respeito da nossa oração. Depois de termos aliviado com nossas palavras os nossos pensamentos e desejos – sendo “muito difícil para nós” – aquietemos para ver a solução no meio de nós…

    O Livro das Lamentações; isto é Megilá Eichá (מגילה איכה) é tradicionalmente recitado nas Sinagogas durante Tishá B’Av para lembrar a destruição do Templo Sagrado (בית מקדש) e outras tragédias que se abateram sobre o povo judeu.
    O Livro das Lamentações é um poema acróstico que começa com a letra hebraica Alef (א) na palavra “Eichá” [lê-se eirrá] – (אֵיכָה).

    “Como (Eichá) está deserta a cidade, antes tão cheia de gente!” (Lamentações 1:1)… Os nossos sábios, ensinavam que esta palavra Eichá – אֵיכָה (Como) também poderia ser lida como Aieká (אַיֶּכָּה) – ‘A onde’, a primeira pergunta da ‘Voz de D-us’ (קול) que andava no Jardim a Adão – “onde está você?” (Gênesis 3:9) . Pois, no Midrash (comentário rabínico) os sábios aludem uma conexão entre a lamentação sobre o banimento de Adão (אדם) Jardim do Éden e a expulsão de Israel de Zion. (Oséias 6:7) Em ambos os casos, o problema centra-se na incapacidade de perguntar “onde estamos” (איפה אנחנו)…

    As lágrimas do profeta Jeremias (הנביא ירמיהו) representam o amor compassivo de D-us para o povo judeu; o Livro das Lamentações (מגילה איכה) é realmente “o grito da Voz de D-us”… que se preocupa com o sofrimento de seu povo: be’kol tzaratam lo tzar (בְּכָל-צָרָתָם לוֹ צָר) – “Em toda a angústia deles foi angustiado” (Isaias 63:9).
    Mesmo depois de todos os horrores que se abateram sobre o povo de Judá devido ao julgamento disciplinar, Hashem (D-us) ainda encorajou-os a procurá-lo novamente. “A Graça (Chesed) de Adonay nunca cessa, e as suas misericórdias não têm fim. Renovam-se (חדשׂים) a cada manhã; grande é a tua fidelidade (רבה אמונתך) “(Lamentações 3:22-23)

    …Isto é; Israel vai experimentar uma inversão da tristeza e das tragédias que se abateram no do dia 9 de Av e este dia vai se transformar em um dia de alegria (Zacarias 8:19). – “Assim como vocês foram uma maldição para as nações, ó casa de Judá e ó casa de Israel, também os salvarei e vocês serão bênção. Não tenham medo, antes, sejam fortes.” (Zacarias 8:13)

    Há uma história interessante sobre o 9º dia do mês de Av, no início do segundo século (135 D/C). A história é sobre o rabino Akiva, que anteriormente era um gentio que se converteu ao judaísmo e se tornou um Rabino.

    Os seus alunos lhe perguntaram: “Rabi Akiva, por que você está rindo?” Isto quando ouviram sobre as legiões romanas chegarem no dia 9 de Av.
    “Por que vocês choram?” Respondeu Rabino Akiva.
    Os alunos lhe responderam: “os gentios adoradores de ídolos vivem bem enquanto o Templo Sagrado é queimado e lançado ao chão… não devemos nós chorar?”.
    “É por isso que eu estou rindo”, respondeu Rabi Akiva.

    Eles perguntaram; “Rabi Akiva, como você pode estar rindo”?
    “Por que vocês choram?” ele perguntou.
    Os alunos disseram: “O Santo dos Santos sobre o qual está escrito: ‘Qualquer pessoa não autorizada que entrar morrerá’; e agora romanos jogam lá, Não devemos chorar?”

    Rabi Akiva respondeu: “É por isso que eu estou rindo, pois eu estou vendo o cumprimento da profecia -“. Sião será lavrada como um campo “- isso me dá uma compreensão mais profunda e conhecimento de que todas as profecias serão cumpridas, incluindo aquelas que anunciam a reconstrução de Jerusalém (e a salvação de Israel)!”

    O Rabino Akiva enfrentou a morte por tortura nas mãos dos romanos pelo ‘crime’ de ensinar a Torá.

    … E muitos povos e nações poderosas virão buscar Adonay Tzevaot em Jerusalém e suplicar o seu favor. Assim diz Adonay Tzevaot: Naquele dia sucederá que pegarão dez pessoas, de todas as línguas das nações, pegarão, sim, no Tzitzit das vestes de um judeu, dizendo: “Nós vamos com você porque ouvimos dizer que D-us está com vocês”. (Zacarias 8:22-23)

Visualizando 1 post (de 1 do total)

Você deve fazer login para responder a este tópico.