Quem foi Háva (Eva)

Home Fóruns Fórum Yeshua Chai Soando o Shofar Quem foi Háva (Eva)

Este tópico contém 0 resposta, possui 1 voz e foi atualizado pela última vez por  sofer 8 anos, 4 meses atrás.

Visualizando 1 post (de 1 do total)
  • Autor
    Posts
  • #24021

    sofer
    Participante

    Quem foi Háva (Eva)

    De acordo com os antigos sábios judeus, a meta ou o objetivo da atividade criadora de D-us foi a construção de um Reino com base em ‘amor Divino’ (מַלְכוּת הָאֱלהִים).
    Como escreveu o Rei David:
    עוֹלָם חֶסֶד יִבָּנֶה / Olam hesed yibané:
    ‘O mundo é construído com Hesed (Graça) (Salmo 89:3).

    O próprio Universo é construído sobre o alicerce da Graça de D-us (חֶסֶד, Chesed / lê-se rresed) como é expressa na vida dos Tzadikim (justos).

    Na verdade, a primeiro Mitzvá (mandamento) dado a humanidade foi simplesmente פְּרוּ וּרְבוּ / Pru urvu: ‘seja fecundo e multiplique’.

    O primeiro ‘lô tôv’ ( לא־טוֹב / ‘não é bom’) foi a declaração feita por D-us por causa, do estado de solidão de Adam (Adão) no jardim que ficava no meio do Éden.
    Adam (Adão) precisava de uma companheira, um Ezer Kenegdó (עֵזֶר כְּנֶגְדּוֹ), uma ‘auxiliar em frente a ele’.
    Os sábios rabinos da antiguidade ensinavam que: Havá (Eva) poderia ter a função de auxiliar (ezer) Adão ou também ser seu oponente (mitnaged) em relação ao seu mérito.

    Observe que Eva não foi criada para ficar na subserviência de Adão. Na verdade, Eva foi o “toque final” de Adão, uma contrapartida mais refinada e sensível.
    Eva refletiria (como num espelho) para Adão as Midot (qualidades) de si mesmo…
    Adam (Adão) para efeitos de genealogia da humanidade, vemos que vem de Adamá (אֲדָמָה,- ‘Terra’) – (Adão literalmente significa terroso, barroso, em uma linguagem moderna terráqueo ou Humano)

    Considerando que Chavah (Havá – Lê-se rravá) cujo nome significa ‘vida’, está relacionado ao verbo hebraico (חָוַה chava) que significa “declarar” ou revelar (Salmo 19:3).
    Havá é chamada por Adam de Em kol chai (אֵם כָּל־חַי), a mãe de todos os viventes (Genesis 3:20 ), e como tal, ela é também uma imagem e semelhança de D-us, o aspecto ou atributo “feminino” de D-us sugerido e encontrado pelo “nome” – atributo Divino, El Shaday (shaday literalmente significa seio – mama – plural Shadayim – Seios). El Shaday; ‘é o D-us que dá de mamar’ – ‘Dá o Seio’ que nutre.

    Por que o Adam (Ser Humano) foi criado no sexto dia, do pó da terra? Por que ele não foi ele criado yesh me’ayim (ex nihilo – ‘do nada’) como os anjos?
    Os sábios judeus da antiguidade respondem que isto foi destinado a instilar humildade em todos nós, uma vez que mesmo um mosquito tem uma linhagem anterior do que o primeiro Ser Humano.

    E ainda a própria criação foi projetada para expressar a realeza de D-us, e para isto o ser humano foi necessário. O Ser Humano é feito a partir da substância mais humilde da Terra, o pó da terra, e ainda assim mesmo a ele é transmitido Nishmat Hayim ( נִשְׁמַת חַיִּים ) – ‘o fôlego das vidas’.

    No Talmud os antigos Rabinos ensinavam: ‘se alguém cunha muitas moedas de um mesmo molde, todas elas se assemelham uns aos outras, mas o Rei do Rei dos reis, O Santo, Bendito seja ELE, fez cada Ser Humano à imagem de Adam (Adão), e ainda assim nenhum deles assemelha-se a seus semelhantes.
    Por conseguinte, cada pessoa está obrigada a dizer; bishvili nivra ha’olam ( בִּשְׁבִילִי נִבְרָא הָעוֹלָם) – “O mundo foi criado por minha causa” (Talmud: Sanhedrim Mishná 4:5).
    Daí o porquê de assassinar outro ser humano criado b’tzelem Elohim (na imagem de D-us) é considerado um pecado tão gravíssimo. (pois isto esta gravidade leva ao assassino a pena de morte, segundo a bíblia).

    Os sábios rabinos fundamentaram que quem destrói uma única vida é contabilizado como se ele tivesse destruído o mundo inteiro; e quem salva uma única vida é contabilizado como se ele houvesse salvado o mundo inteiro.
    Daí na Torá (Gênesis 4:10) D-us registra; ‘A voz ‘dos sangues’ de seu irmão clama a mim’ (קוֹל דְּמֵי אָחִיךָ צעֲקִים אֵלַי ). Sangue está no Plural neste versículo. Não foi apenas o sangue do inocente de Hevel (Abel) que gritou, mas sim o sangue de todos os seus ancestrais que foram destruídos junto com ele.

    Por outro lado, cada um de nós deve lembrar (como o nosso pai Abraão – Avraham Avinu) que nós somos Afar ve’efer – Pó e cinza (Gênesis 18:27 ).
    Embora seja verdade que nós somos estimados por D-us como seus portadores de imagem, nossa carne (basar) vem do pó da terra.

    Um antigo conto de Hassídico (uma corrente judaica) diz que cada pessoa deve percorrer na vida com duas notas, uma em cada bolso.
    Em uma nota deve ter as palavras bishvili nivra ha’olam ( בִּשְׁבִילִי נִבְרָא הָעוֹלָם) – “Por minha causa foi este mundo criado” e por no outro bolso a nota com as palavras, Anochi afar ve’efer (אָנכִי עָפָר וָאֵפֶר) – ‘Eu sou pó e cinza’.

    Então os nossos antigos Rabinos perguntavam: ‘como pode uma pessoa feita de pó e cinzas, que hoje está aqui e manha já se foi, pode ser tão arrogante e altiva?

Visualizando 1 post (de 1 do total)

Você deve fazer login para responder a este tópico.